Páscoa: 8 fatos e lugares curiosos para conhecer

curiosidades sobre pascoa

Páscoa: 8 fatos e lugares curiosos para conhecer

626 417 Blog do Costão do Santinho

Logo depois que passa o carnaval, os supermercados já começam a montar e encher as parreiras de ovos de chocolate de todos os tamanhos, para todos os gostos. E que gostos! No entanto, por mais que seja uma data especial e muito querida por todos, existem muitos fatos curiosos que cercam a data, inclusive sobre a sua origem.

Muitas pessoas nem imaginam que a Páscoa, apesar de ser comemorada pelo cristianismo como a ressureição de Jesus Cristo, nem sempre foi assim. Quer saber mais detalhes e curiosidades como essa sobre a Páscoa? Então vem conferir com a gente.

1. No princípio, não era uma festa cristã

Isso mesmo! A palavra ‘Páscoa’ deriva de ‘pessach’, palavra hebraica que significa passagem. Tornou-se símbolo da libertação do povo judeu da escravidão no Egito, na época do Faraó Ramsés II. A data em que ocorreu esse evento histórico não possui um dia fixo e a data da Páscoa, como comemoramos hoje, vem de outra comemoração que você vai ver a seguir.

2. Por que a Páscoa não tem uma data fixa?

A data da Páscoa foi definida pelo Conselho de Nicéia, numa tentativa de unificar o calendário solar utilizado no ocidente e o lunar, utilizado no oriente e pelos judeus. Portanto, a Páscoa é determinada de acordo com a seguinte dinâmica: o domingo logo após a primeira lua cheia do equinócio da primavera (primavera no hemisfério norte e outono aqui no hemisfério sul).

3. A tradição dos ovos começou com as galinhas

O ovo mais tradicional no mundo inteiro é o da galinha e, nos antigos povos, com destaque especial os chineses, havia a tradição de decorar ovos e presenteá-los na entrada na primavera. Isso simbolizava o desejo prosperidade à nova estação que começava. Os ovos sempre foram reconhecidos como símbolos de fertilidade e vitalidade.

Apesar dessa tradição de entregar os lindos ovos decorados não ser tão forte no Brasil, existem locais em que a cultura germânica ainda é forte e isso resiste. No sul do Brasil, em lugares em que a tradição germânica ainda é bem forte como no Vale Europeu em Santa Catarina e na Serra Gaúcha no Rio Grande do Sul, não é difícil encontrar esse costume.

4. O que o coelho tem a ver com isso tudo?

Tal como os ovos decorados, o coelho veio como uma simbologia pagã importada às festas da Páscoa cristã que conhecemos hoje. Essa tradição veio dos povos nórdicos , que enxergavam o coelho como símbolo de fertilidade e prosperidade, já que o animal possui uma capacidade reprodutiva bastante grande em relação aos outros animais.

5. As parreiras de ovos são uma invenção brasileira

Logo depois do Carnaval, os supermercados já começam a montar as tradicionais parreiras de ovos de Páscoa. O que muita gente não sabe é que essa tradição é brasileira e isso acontece por um motivo curioso. Quando começou a produção em larga escala de ovos de páscoa, os mercados brasileiros tiveram que se adaptar às quantidades de novos produtos que deveriam ser expostos. Sem espaço para coloca-los em prateleiras convencionais, adotaram-se as parreiras a fim de aproveitar melhor o espaço. Eis uma tradição gostosa de Páscoa que surgiu em virtude da necessidade!

6. O maior ovo do mundo é feito em Pomerode, SC

A cidade de Pomerode, na região do Vale Europeu em Santa Catarina, possui o recorde do maior ovo de páscoa do mundo! Todo ano na cidade acontece a tradicional Osterfest – uma festa típica alemã que incorpora as tradições daquele povo. É nessa época que a cidade exibe a sua tradicional cultura germânica para o Brasil. Esse ovo gigante, de 15 metros de altura fica exposto na praça central da cidade, bem na entrada da Osterfest. Todo ano, uma decoração diferente é escolhida para ele. Em 2020, o artista convidado a pintar o ovo foi Romero Brito.

A Osterfest reúne delícias gastronômicas, como as tradicionais cucas alemãs de vários sabores e os deliciosos chocolates Nugali – considerados um dos melhores do mundo cuja fábrica é na cidade de Pomerode. Além disso, existe uma grande árvore que é decorada com ovos de galinha pintados à mão, exatamente como manda a tradição. Quem vier a Santa Catarina na Páscoa, tem uma passagem obrigatória em Pomerode!

osterfest pomerode

7. A força da cultura alemã na comemoração da Páscoa no Sul do Brasil

Além da Osterfest comentada anteriormente, outras cidades compartilham a tradição alemã na comemoração da Páscoa. Caso semelhante é o de Blumenau, também no Vale Europeu, que realiza a Osterdorf – uma festa realizada no Parque Vila Germânica, o mesmo da Oktoberfest. Todo o parque fica lindamente decorado para a Páscoa e há atrações para toda família. Quem quiser viajar para a Serra Gaúcha, também encontrará um pouco dessas tradições na região de Gramado.

8. Páscoa tradicional em resort de praia

Agora, caso você queira ter uma opção diferente para curtir a Páscoa com a família, combinando tradição com serviço de qualidade, natureza, entretenimento e praia, pode considerar passar a Páscoa no Costão do Santinho. Aqui, a data possui uma programação especial e intensa para a família toda, com recreação, festas, almoços e jantares especiais. Tudo isso acompanhado pela exuberante natureza e um serviço All Inclusive para deixar todo mundo feliz.

Além disso, você fica apenas 3 horas de Pomerode e Blumenau e pode aproveitar para conhecer essas cidades com forte cultura germânica e aproveitar as suas tradicionais festas. O bom da Páscoa é fazê-la saborosa e divertida a todos! Você pode conferir aqui o pacote de Páscoa do Costão do Santinho.

Leave a Reply